Início / Atividades / Jardim Público de Évora
Jardim Publico Evora
Coreto do Jardim Público

Jardim Público de Évora

Jardim Publico Evora
Entrada do Jardim Público da Rua da República
O Jardim Público de Évora é um jardim magnífico, quer pela diversidade de vegetação e cores, quer pela tranquilidade, quer mesmo pelo convite ao romantismo nos vários recantos aqui existentes.

É um espaço com história, ligado a outros tempos e também à arquitetura. Aqui se encontram reunidos vários monumentos de interesse cultural, como os restos da Muralha Medieval (século XIV), o Palácio de D. Manuel (século XVI), e as Ruínas Fingidas (século XIX), entre outros.

Destaca-se também o Coreto do século XIX, mais um dos elementos revivalistas do passado que agora se liga à modernidade devido aos inúmeros concertos musicais que aqui tiveram lugar durante décadas. Vai reparar nele, de certeza, quando entrar no Jardim Público de Évora pela porta da Rua da República ou pela da Praça 1º de maio.

Jardim Publico Evora
Coreto do Jardim Público
Voltando às “ruínas fingidas”, estas foram construídas com materiais arquitetónicos das ruínas de vários monumentos provenientes de toda a cidade, sobretudo restos de janelas geminadas de estilo manuelino-mudéjar. São parte integrante de uma torre e troço da muralha medieval e ficam perto do Palácio de D. Manuel. O produto final serve por completo o imaginário romântico e nostálgico ligado à conceção dos jardins do século XIX.

Normalmente, por cima das “ruínas” passeiam os imensos pavões que aí moram. Se tiver sorte vai encontrá-los lá, a colorir ainda mais os jardins.

O Jardim Público de Évora foi construído entre os anos de 1863 e 1867, por iniciativa do município. Os terrenos onde se encontra localizado constituíram em tempos a horta real do Palácio de D. Manuel e do Convento de S. Francisco.

Jardim Publico Evora
Ruínas Fingidas
O arquiteto e cenógrafo italiano José Cinatti foi quem idealizou este jardim e quem coordenou os trabalhos de arqueologia e de jardinagem do mesmo. A sua criação está intimamente ligada ao ideal romântico dos jardins de outrora e também à utilização deste espaço como espaço social, de reunião da elite e das classes sociais que começavam a ascender.

O Jardim Público de Évora cobre uma área de cerca de 3,3 hectares de terreno e nele podemos encontrar uma vasta concentração de árvores, principalmente espécies originárias de outros locais, canteiros coloridos e pequenos lagos.

Apresenta todos os traços distintivos dos jardins da época, tais como o traçado “orgânico”, os elementos ornamentais, a vegetação exótica e a possibilidade que oferece de fazer lembrar tempos passados através, por exemplo, das já mencionadas “ruínas fingidas”.

Jardim Publico Evora
Faça um piquenique no jardim
O Jardim Público de Évora tem um papel importante também devido à sua ligação à Mata (onde pode fazer um piquenique) e ao Parque Infantil da cidade. Neste último pode também encontrar a Ludoteca e o Museu do Brinquedo.

O jardim é de grande importância para a cidade não só porque contribui para a melhoria da qualidade de vida dos seus habitantes como espaço verde, mas também porque contribui para o bem-estar social como espaço de recreio.

Depois do seu passeio pela encantadora Évora Património Mundial, pode planear um final de dia tranquilo neste belo jardim. É um local onde apetece descansar. Por isso, vá até ao quiosque, beba uma água ou refresque-se com um gelado, encante-se com os cisnes ou patos que se passeiam no lago aí perto e deixe-se levar pelo vagaroso passar do tempo que caracteriza as tardes soalheiras do Alentejo.

Durante a sua visita, não se esqueça da máquina fotográfica! Vai querer recordar alguns momentos!

Booking.com

Veja também

igreja carmo evora porta

Igreja do Carmo em Évora

A magnífica e imponente Igreja de Nossa Senhora do Carmo, antiga igreja do Convento do …